Gestantes · Terapias Naturais

Cinco razões para praticar Yoga na gestação

shutterstock_673204474

O Yoga é uma prática milenar que transcende o exercício físico, respiratório e postural e sugere um mergulho em auto conhecimento e concentração. Para quem deseja uma gravidez sadia, tanto do ponto de vista físico como emocional, essas razões já seriam o suficiente para tê-la como atividade preferida das mulheres grávidas.  Mesmo assim separamos cinco razões para você amar o Yoga enquanto espera seu bebê:

1) Corpo acelerado e mente serena

A gravidez é um estágio de mudanças aceleradas do corpo. Nada mais justo do que, através de uma prática meditativa, favorecer a serenidade da mente. Enquanto os músculos, órgãos e cavidades vão se deslocando para dar espaço para esse bebê, preparando-se para gestá-lo e trazê-lo à vida, a mente pode acompanhar esse caminho de forma centrada, com foco na consciência e respeito a essas mudanças.

2) Conexão com o bebê

Invariavelmente a prática meditativa de ampliação de consciência sobre o momento presente levará a gestante a um estado de profunda conexão com seu bebê. A resposta do corpo da mulher às diferentes posições da prática de Yoga ao decorrer da gestação é uma forma de aprendizado sinestésico sobre ela mesma e também sobre o novo ser que a habita.

images-1

3) Reaprender a respirar

Acredite se quiser, todos nós respiramos de uma forma sub-ótima. Repare nos bebês, que incham a região da barriga para respirar: eles sabem fazer isso melhor do que nós. A maioria dos adultos utiliza a respiração torácica, uma forma mais superficial de levar oxigênio para o corpo, que pouco aproveita a capacidade de nossos pulmões e compromete o aporte de oxigênio para o corpo. Na gestação, as capacidades respiratórias sofrem real modificação, e o Yoga pré natal é um momento de apurar esse rumo. Tanto para o momento da gestação quanto para o parto, a respiração abdominal, com ativação plena do diafragma, é uma prática de saúde física e emocional, apaziguando sensações de ansiedade e também melhorando a oxigenação do todo.

4) Preparação real para o parto

Encontramos no Yoga um conjunto completo de preparação para o parto. As posições do Yoga pré natal oferecem a possibilidade de um profundo conhecimento e controle dos músculos e ossos, em especial da região inferior do corpo, que serão tão necessários para a chegada do bebê. Além de reconhecer e tonificar toda a região pélvica, a gestante é convidada a reservar semanalmente algumas horas para cuidar de si e da gestação, preparar a mente e a alma para seu novo papel, além de entrar em contato com outras mães e mulheres na mesma situação, que se apoiam e fortalecem mutuamente.

images

5) As evidências científicas comprovam

Um estudo de 2014 comprova os benefícios da prática de Yoga no pré e pós parto. A primeira parte do estudo versa sobre o estado de satisfação das gestantes: a liberação de serotonina e outros hormônios ligados à felicidade e o afeto é garantida durante a prática regular de Yoga. A segunda parte trata da prevenção de estados depressivos, tanto na gestação quanto no pós parto, e a pesquisa também encontrou dados que corroboram o fato de que a Yoga pré natal repercute positivamente também após à gestação. Um outro estudo liga a prática de Yoga pré natal à prevenção de dores crônicas comuns na gestação, como as lombares, torácicas e cervicais. E ainda há evidências de que a prática de Yoga previne e reduz as dores de cabeça, ansiedade, estresse e melhora a qualidade do sono.

Texto do site Casa Moara

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s